terça-feira, 5 de junho de 2012

Irregularidades na Copa Inter TV Cabugi

Na noite de ontem a diretoria do Cruzeiro foi surpreendida com alguns fatos anormais na competição, que chamou atenção de todas as delegações que disputam a competição. O primeiro fato foi à cobrança de uma  taxa de arbitragem feita pela organização da etapa final. O Cruzeiro pagou a quantia de R$ 60,00 cobrado pela organização. 
Os dirigentes das equipes achando isso uma fato estranho, se reuniram e resolveram não pagar pela taxa, pois nenhuma outra etapa que disputaram foi cobrando por taxa de arbitragem. Com isso o presidente Túlio Bertoldo resgatou o valor pago a organização do evento. 
O segundo fato que chamou atenção e este muito mais grave, é o fato dos atletas da equipe de Macau, que perderam a etapa de Pendências, estarem disputando à etapa final da competição, já que o regulamento da competição diz que só poderão participar da etapa final ás equipes campeãs de cada etapa classificatória. 
E os atletas que disputarem uma das etapas não poderão jogar outra, a não ser que tenha sido campeão de alguma das etapas classificatórias. A equipe de Macau tem direito a uma vaga na etapa final devido o fato da mesma sediar a fase final. 
Então não seria necessário disputar nenhuma etapa classificatória. Mas a equipe disputou a etapa de Pendência onde terminou como vice-campeão, perdendo para equipe de Mulungú na final, e todos os atletas que estavam ontem em quadra foram inscritos na etapa classificatória de Pendências. 
Neste caso Macau poderia entrar com outra equipe local, mas sem os atletas que disputaram a etapa da cidade de Pendências. As equipes que disputam a fase final se reuniram e resolveram em comum acordo que todas as equipem que jogarem contra a equipe Macau, ao final do jogo dar entrada na Federação com o protesto contra a equipe. 
O time de Carnaubais que perdeu ontem, já deu entrada no protesto ao final da sua partida. Agora cabe a Federação e sua parceira a Inter TV Cabugi, moralizar o evento e aplicar os artigos do regulamento da competição e punir quem deve ser punido, para que a competição não venha cair no descrédito diante das equipes que disputam a competição. 
Um evento que vem fazendo futsal do interior do estado crescer não pode deixar irregularidades e  afastar as equipe do interior das competições da Federação. Todas as equipes esperam que o presidente da FNFS Clóvis Gomes juntamente com os parceiros realizadores do evento tomem as devidas providências.
Fonte: Blog do Cruzeiro Futsal do Assu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COPA SERRA CAIADA DE FUTEBOL COMEÇA DIA 04 DE NOVEMBRO

A Copa Serra Caiada de Futebol será disputada por 21 equipes de 10 cidades das regiões (Trairi, Potengi e Agreste). Os jogos serão real...