Flamengo de olho em Conca, Diego e outros quatro

Rio de Janeiro, RJ, 15 (AFI) - Com um elenco bem mais modesto que os dos rivais, o Flamengo sabe que precisa anunciar alguns reforços se quiser ser um dos candidatos a conquistar o título do Campeonato Brasileiro. Por isso, a diretoria sonha com alguns nomes. Uns são mais complicados, como os de Diego, Conca e Juan, e outros mais modestos como os de Adaílton e Anderson Polga.
As principais prioridades são no setor de meio-campo, para suprir a saída de Ronaldinho Gaúcho, hoje no Atlético-MG, e no sistema defensivo, que não possui jogadores experientes. Um nome praticamente certo na Gávea é o do lateral-esquerdo Ramon, que já acertou as bases salariais e será liberado pelo Corinthians assim que a Libertadores chegar ao fim.

Um reforço para a camisa 10 é a prioridade, mas os jogadores pretendidos pela diretoria são mais complicados. Diego, do Atlético de Madrid-ESP, Renato Augusto, que já defendeu o Fla e atualmente está no Bayer Leverkusen-ALE, e Conca (foto), do Guangzhou Evergrande-CHI, recebem um salário fora da realidade financeira do clube rubronegro.

Para a defesa, o principal nome é o de Juan, atualmente na Roma-ITA e sonho de consumo da diretoria, mas seu alto salário também teria complicado a negociação. Os nomes mais modestos são os de Anderson Polga, sem clube desde que deixou o Sporting-POR no fim de maio, e Adaílton, ex-Palmeiras e hoje no Sion-SUI.

O Flamengo se encontra na oitava colocação do Brasileirão, com seis pontos conquistados, seis a menos que o líder Vasco, que tem 100% de aproveitamento. Neste domingo, o time recebe o Santos, às 16 horas, no Engenhão, pela quinta rodada.
Agência Futebol Interior

Comentários