domingo, 13 de maio de 2012

FELIZ DIA DAS MÃES!


2º domingo de maio comemora-se o dia da heroina que sacrificou o seu tempo e dedicou-se totalmente aos filhos sem querer nada em troca a não ser a felicidade e a realização constante dos sonhos dos seus eternos "meninos".

Felicidades para todas as mães em especial para "Nova" a minha esposa mãe do nosso filhão Marcos Vinícius e para a maior mulher que DEUS colocou no mundo Maria Pereira minha querida mãe, um ser mais que especial que DEUS iluminou a mim e aos meus irmãos por nos dar a honra e a satisfação de chama-la de MÃE no mais alto grau da concepção da palavra. Parabéns pra você e felicidades para nós que temos a satisfação de chamar-te de Mãe.

Em nome das mulheres da minha vida, estendo as felicitações para todas as MÃES que estejam presentes ou que tenham voltado para o lado do PAI... Parabéns de coração! 
Por Nildo Ângelo 

AMOR QUE SACRIFICA
Alguns anos atrás li uma história que ficou gravada indelevelmente em minha mente.
Uma senhora que vivia tentando por muitos anos ter um filho, viu seu sonho realizado.
Recebeu dos braços da enfermeira um lindo bebê.
Porém, qual não foi a sua surpresa quando notou que a criança havia nascido sem orelhas.
Preocupada, perguntou ao médico se o menino tinha perfeita audição.
Um exame foi realizado e ficou constatado que o aparelho auditivo era normal.
A mãe, conformada, levou o filho para casa. Seu amor não diminuiu pela criança, mas à medida que esta crescia observava o tratamento que outras crianças lhe davam.
Com freqüência seu filho voltava para casa chorando! Isso era como uma punhalada a ferir e magoar o coração daquela mãe.
Consultou o médico, novamente perguntando se algo poderia ser feito pelo filho. O doutor revelou que se encontrassem alguém que doasse um par de orelhas, poderiam tentar um implante quando o rapaz chegasse aos 21 anos.
Os anos se passaram e um dia os pais revelaram a alvissareira notícia de que tinham encontrado alguém para doar as orelhas.
A operação foi realizada com grande êxito. Qual não era a satisfação e a alegria daquela mãe ao contemplar o jovem, olhando-se no espelho e dizendo:
- Veja, mãe, sou agora como todos os outros rapazes. Voltava-se então, para sua mãe e lhe perguntava:
- Mamãe, quem foi que me doou este par de orelhas?
- Ah! Meu filho, agora não podemos revelar-lhe ma um dia irá saber.
Passaram-se os anos e o jovem casou-se e teve filhos, todos normais.
Certa feita, ocorreu uma das grandes tristezas deste mundo: havia perdido sua mãe.
Na sala funerária, pai e filho, olham pela última vez o corpo inerte, gélido, daquela senhora tão bondosa. Depois que todos saíram, o pai diz ao filho:
- Meu filho, venha comigo despedir-nos de sua mãe.
Ambos se aproximaram do esquife e ali pela última vez o filho contemplou sua querida mãe.
De repente, para surpresa daquele filho, o pai puxa de lado os longos cabelos negros de sua esposa e o filho observa, pela primeira vez que sua mãe não tinha mais orelhas.
Esta é a grande dimensão do Amor! Oferta! Sacrifício
TEXTO EXTRAIDO DA INTERNET

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SÃO PAULO DO POTENGI SEDIARÁ O ESTADUAL SUB-15 DE FUTSAL

A cidade de São Paulo do Potengi-RN será palco do estadual de futsal na categoria Sub-15, a competição é organizada pela FNFS (Federação...