terça-feira, 18 de outubro de 2011

Mesmo com Neymar e Adriano, Muricy mantém mistério no Santos

Gazeta Press

Mesmo com o atacante Neymar de volta, após cumprir suspensão automática na derrota para o Grêmio, no último domingo, e com o volante Adriano liberado pelo departamento médico do clube, o Santos ainda não está definido para enfrentar o Botafogo, nesta quarta-feira, a partir das 20h30 (horário de Brasília), na Vila Belmiro.

Isto porque o técnico Muricy Ramalho preferiu manter o mistério e não comandou um treino tático na tarde desta terça, no CT Rei Pelé. O treinador somente dirigiu um animado rachão, que fechou a preparação da equipe para o duelo como Glorioso, em partida atrasada da 21° rodada do Campeonato Brasileiro.

Com Pará, Elano e Paulo Henrique Ganso ainda em tratamento de suas respectivas lesões, a outra ausência do time para enfrentar o Botafogo está mais uma vez na lateral esquerda. Com uma tendinite no pé esquerdo, o veterano Léo foi vetado, assim como aconteceu contra os gremistas, e não estará em campo diante dos cariocas.

Sendo assim, Muricy tem algumas dúvidas na formação da equipe titular. Sem Léo, o comandante alvinegro pode improvisar o jovem lateral Crystian, que atua pelo lado direito e que, a exemplo de Neymar, volta de suspensão após ter sido expulso contra o Atlético-MG. Essa é uma opção menos provável, já que o técnico deve manter o zagueiro Durval na lateral esquerda, com Edu Dracena e Bruno Rodrigo formando novamente a dupla de zaga.

No meio-campo, com Adriano liberado, Henrique pode deixar o time. Além disso, Danilo pode ser mais uma vez escalado no meio, com Crystian fazendo a ala direita e Alan Kardec deixando a equipe. Nessa hipótese, Neymar e Borges formariam o ataque.

Desta maneira, a provável escalação santista é a seguinte: Rafael; Danilo, Edu Dracena, Bruno Rodrigo e Durval; Henrique (Adriano), Arouca e Ibson; Alan Kardec (Crystian), Borges e Neymar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário