JOGO ORGANIZADO PELA FEDERAÇÃO CARIOCA ACABA POR FALTA DE BOLA

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro organiza o Campeonato Amador da Capital – Sub 17, competição disputada por 15 equipes. Mas a organização não é das melhores. No último domingo, o Cometa recebeu o CAAC no estádio Pavunense, na Pavuna, e a partida teve que ser encerrada antes da hora por um motivo bem simples: não havia bola.
O árbitro Wagner de Lima Oliveira, da Ferj, escreveu na súmula:
“Aos 41 minutos do segundo tempo, o jogo foi paralisado por falta de bola até os 45 minutos, quando a bola retornou ao estádio e, logo em seguida….foi chutada novamente pelo zagueiro do CAAC Brasil para fora do estádio. Sendo aguardada a reposição da bola até aos 45 + 10 minutos do segundo tempo, este árbitro deu por encerrada a partida com a conscientização dos capitães e dos técnicos das equipes, pois não houve o retorno da bola”.

Os zagueiros do CAAC chutavam a bola para fora do estádio para ganhar tempo, uma vez que o time vencia por 2 a 1. Nunca essa estratégia deu tão certo.
No regulamento da competição, a Federação do RJ é bem clara:
Art. 25º – A FERJ detêm todos os direitos do campeonato podendo dispor dos mesmos da forma como melhor lhe convier.
E o mais curioso é a premiação para o campeão: R$ 4 mil, troféu, medalhas e BOLAS!

Comentários