GGaroto de 11 anos morre eletrocutado durante resgate de bola em Tangará

21/02/2011 - 08:25 | Atualizada em: 21/02/2011 às 08:25

Paulo de Sousa/DN/D.A.Press
Da Redação do DIARIODENATAL.COM.BR,
com informações do repórter Paulo de Sousa

Um garoto de 11 anos morreu eletrocutado ao tentar pular uma cerca para resgatar uma bola. O incidente ocorreu no distrito de Lagoa do Feijão, em Tangará, a 82 Km de Natal, por volta das 20h deste domingo (20). André Batista da Silva disputava uma partida de futebol com os amigos em um terreno baldio, quando a bola caiu em um terreno vizinho. O território era demarcado por uma cerca, e quando o garoto tocou o arame farpado na tentativa de passar para o outro lado, recebeu uma descarga elétrica.
Segundo o sargento Carlos José de Lima, sub-comandante de pelotão policial local, a cerca foi eletrificada por José Lúcio da Silva, que não é proprietário do terreno. O homem é deficiente mental, surdo, mudo e asmático. Ele teria realizado, sem um motivo aparente, uma ligação clandestina através da fiação de sua residência, para eletrificar a cerca de arame farpado.
André batista teve as mãos e a cabeça carbonizadas. Ele ainda foi socorrido ao hospital da cidade, mas já chegou à unidade de hospitalar morto. O sargento Carlos Lima conta que conversou com as famílias da vítima e do responsável pela ligação clandestina e acordou não deter José Lúcio, por causa dos seus problemas de saúde. A decisão sobre o que acontecerá com o homem ficará a cargo do delegado responsável pela Delegacia de Polícia local, Petros Antônios. O proprietário do terreno não foi encontrado.

Comentários